Adelfeirais

Os matagais de adelfa (adelfeirais)

No continente europeu as adelfeiras de Rhododendron ponticum subsp. baeticum encontram-se apenas em pequenas e dispersas áreas do oeste da Península Ibérica. À semelhança do azereiro, também esta é uma relíquia da vegetação existente na Península Ibérica há vários milhões de anos.

As populações nacionais são escassas e fragmentadas, estando mais suscetíveis aos efeitos das alterações climáticas. De acordo com pesquisas recentes, as populações ibéricas são também idosas, com uma falta geral de juvenis. Os estudos indicam que, embora as sementes de adelfa sejam abundantes e facilmente dispersáveis pelo vento, as plântulas não são capazes de se estabelecer devido à falta geral de condições ambientais. Nesta circunstância, as populações têm persistido porque foram capazes de se perpetuar de forma vegetativa. Esta situação evidencia um grave risco de extinção, especialmente se as condições ambientais se tornarem muito graves para as espécies, como indicam os cenários de alterações climáticas previstos para a Península Ibérica.